sábado, 12 de maio de 2012

Sobre efeminados numa discussão do grupo Carpe Noctem no Facebook

Eu fiquei impressionado com a quantidade de gays que estão curtindo os efeminados (muito bom isso), pois que eu saiba uma grande quantidade de gays que ficam em bate-papos da internet e telefone simplesmente torcem o nariz, ou seja, ignoram simplesmente por ter qualquer traço delicado que seja, seja na forma de falar ou de agir. Eu sou naturalmente efeminado, mas já sofri muito preconceito por isso por parte dos próprios gays e as vezes ainda sofro, mas nada que eu não possa contornar. Uma coisa que os gays associam muito é que gay efeminado obrigatoriamente se veste de mulher, tem fetiche em usar calcinhas ou ser uma mulher, mas o que muitos não sabem é que existem outros termos para isso: crossdresser, travesti e transsexual. O gay que se considera efeminado como eu simplesmente é delicado e totalmente despudorado na forma de falar e de agir, mas ama muito o órgão sexual que tem e não se veste de mulher, nem tem vontade disso. Alguns precisam aprender muito sobre sexualidade humana antes de saírem julgando. Vale lembrar que para ser efeminado não é necessário ser homossexual ou bissexual, também há heterossexuais efeminados.

Nenhum comentário:

Postar um comentário